no faro da notícia

Em nota, Ajufe pede que ajuda humanitária inclua juízas afegãs em grupo de evacuação

Assinada pela Comissão Ajufe Mulheres, nota também presta solidariedade às mais 270 magistradas no Afeganistão

João Pedro Carvalho

F7 Comunicação

Associação dos Juízes Federais do Brasil (Ajufe)

20 de agosto de 2021 - 16:13

A Comissão de mulheres da Associação dos Juízes Federais do Brasil (Ajufe) emitiu uma nota em que presta solidariedade às magistradas que exercem suas funções no Afeganistão. A manifestação expressa ainda preocupação com a segurança das juízas mulheres desde a tomada do poder pelo Talibã e pede que a ajuda humanitária inclua juízas e juízes no plano de evacuação do país.

Segundo o documento, são “270 magistradas que estão em risco por desempenharem uma função proibida para as mulheres pelo regime talibã e, adicionalmente, por terem julgado e condenado membros do regime, que retomou o controle do país”.

A nota aponta ainda a fragilidade dos direitos fundamentais em regimes totalitários e reforça necessidade de “atenta vigilância sobre os limites impostos ao Estado Democrático de direito”.

Leia abaixo a íntegra da Nota:

“A Associação dos Juízes Federais do Brasil, por sua Comissão Ajufe Mulheres, diante dos recentes acontecimentos no Afeganistão, vem a público prestar solidariedade e externar preocupação com as juízas mulheres que exercem a sua função no país.

As agências internacionais informam que há cerca de 270 magistradas que estão em risco por desempenharem uma função proibida para as mulheres pelo regime talibã e, adicionalmente, por terem julgado e condenado membros do regime, que retomou o controle do país.

Tornaram-se vulneráveis, portanto, porque são mulheres e porque exerceram a atividade jurisdicional.

O episódio expõe a fragilidade dos direitos fundamentais sob o comando de forças totalitárias, especialmente para os grupos mais vulneráveis, como as mulheres e meninas, colocando em xeque avanços civilizatórios recentemente conquistados por elas. Do mesmo modo, impõe lembrar que não há Poder Judiciário livre sob as forças de regimes autocráticos.

Os incidentes trazem à tona a importância de uma atenta vigilância sobre os limites impostos ao Estado Democrático de direito, para que, assim como no Afeganistão, o futuro para as mulheres não retorne ao passado.

A Ajufe se une a outras associações de mulheres juízas organizadas internacionalmente para apelar que a ajuda humanitária inclua também a retirada de juízas e juízes, porque “a injustiça num lugar qualquer é uma ameaça à justiça em todo lugar” (Martin Luther King).”

Brasília, 19 de agosto de 2021.

 

Acesse o PDF da nota pelo link : https://bit.ly/3z6Tjl0

Pautas relacionadas

Aumento da arrecadação tributária em tempos de crise: uma crítica necessária

*Por Ana Campos   O sistema tributário brasileiro caminha, a passos largos, para um ano de recordes históricos na arrecadação. Apenas no âmbito federal, dados da RFB apontam que, nos primeiros 7 meses do ano, o volume de impostos arrecadados pela União somou R$ 1,053 trilhão (maior cifra para o período histórico analisado pela Receita […]

Ketheleen Oliveira

Grounds

4 dias atrás

Juízes fazem caminhada contra racismo e desigualdade no Dia da Consciência Negra

A Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB) organiza para este sábado (20/11), Dia da Consciência Negra, caminhadas contra o racismo e a discriminação em 10 cidades, a partir das 8h30. Batizado de “Caminhada Negra”, o ato acontecerá simultaneamente em São Paulo, Rio, Salvador, São Luís, Campo Grande, Curitiba, Porto Alegre, Piracicaba, Olinda e Ouro Preto. O […]

Telmo Medici Sillos Fadul

Associação dos Magistrados Brasileiros (AMB)

1 semana atrás

Policiais Federais alertam estado de ‘permanente mobilização’ por falta de valorização e reconhecimento dos profissionais

NOTA PÚBLICA Na data de hoje, 16 de novembro, se comemora o dia do Policial Federal. Dia do profissional que fez da Polícia Federal uma das instituições mais respeitadas da República. Entretanto, os policiais não têm motivos para comemoração. Nos últimos anos, perderam direitos, tiveram salários reduzidos, continuam adoecendo acima da média da população sem […]

João Pedro Carvalho

Associação Nacional dos Delegados de Polícia Federal (ADPF)

2 semanas atrás

  • Todos
  • Economia
  • Justiça
  • Outros
  • Política

Resultado Total: 0

Digite o assunto para exibirmos as pautas relacionadas